A PEDAGOGIA SOCIAL NA EDUCAÇÃO EM PRISÕES: UMA ANÁLISE DO SISTEMA PRISIONAL DO ESTADO RIO DE JANEIRO

Taíza da Silva Gama

Resumo


O presente trabalho busca compreender a Educação em prisões no Estado do Rio de Janeiro, identificando seus desafios e possibilidades na perspectiva da Pedagogia Social. Pretende-se ainda, propor reflexões a respeito do papel da educação em prisões, considerando as especificidades de seus sujeitos. Trata-se de parte da pesquisa de doutoramento intitulada “Limites e possibilidades do exercício do Direito à Educação no Sistema Penitenciário do Estado do Rio de Janeiro”, desenvolvida junto ao Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de São Paulo, sob orientação do Prof. Dr. Roberto da Silva. Neste estudo buscamos aproximações entre a Educação em Prisões e a Pedagogia Social ora em construção no Brasil, fortemente ancorada no pensamento pedagógico de Paulo Freire. Aprofundar as análises sobre Educação em Prisões e buscar bases teóricas e metodológicas para a mesma decorre de sua a recente normatização como direito fundamental da pessoa humana e parte integrante da política pública de Educação no Brasil. A pesquisa explora esta normatização e recorre à revisão da bibliografia especializada para dar conta dos desafios e das possibilidades da Pedagogia Social na Educação em prisões no contexto específico do Estado do Rio de Janeiro.

Palavras-chave


educação em prisões; Pedagogia Social; sistema prisional do Rio de Janeiro

Texto completo:

PDF


Locations of visitors to this page