MAPEAMENTO DO FLUXO DE VALOR COMO FERRAMENTA DE DIAGNÓSTICO DE DESPERDÍCIOS E PROPOSTAS DE MELHORIAS: UM ESTUDO DE CASO NUMA INDÚSTRIA MOVELEIRA

Wagner Cardoso, Jessica Fernanda Bertosse, Edson Bassi, Rafael Mestre Saes, Fábio Ferraz Júnior

Resumo


É sabido que o mapeamento do fluxo de valor é uma ferramenta de grande importância para identificação de desperdícios no processo produtivo. Desperdícios estes que podem ser com material parado, estoque em processo ou de produto acabado, ociosidades, gargalos, movimentações desnecessárias, dentre outras. O mapeamento do fluxo de valor veio desencadeado pelo Lean Manufacturing com objetivo de diagnosticar desperdícios e mostrar de forma clara e coesa onde eles se encontram. A partir do mapeamento do estado atual consegue-se chegar aos pontos de desperdícios e assim propor melhorias. Com as melhorias se projeta o mapeamento do estado futuro, demonstrando os ganhos esperados e/ou alcançados, caso o mesmo já tenha sido implantado. Este artigo tem como objetivo central apresentar uma breve revisão bibliográfica sobre o mapeamento do fluxo de valor e aplica-lo em forma de estudo de caso numa indústria moveleira do interior paulista para demonstrar a real e importante aplicabilidade do mesmo com foco em redução de desperdícios e de custos.

Palavras-chave


Mapeamento do fluxo de valor. Lean manufacturing. Manufatura enxuta. Indústria moveleira.

Texto completo:

PDF


Locations of visitors to this page