SIMULAÇÃO APLICADA A UM TERMINAL DE PASSAGEIROS: RELAÇÃO ENTRE DESISTÊNCIA DE REALIZAÇÃO DA VIAGEM E FREQUÊNCIA DE ATENDIMENTO AOS USUÁRIOS

Victor Hugo Souza de Abreu, Sandra Oda, Glaydston Mattos Ribeiro, Alan Silva

Resumo


O transporte público representa o meio de integração necessário ao desenvolvimento das atividades econômicas e sociais no contexto urbano. Tem como principal objetivo fazer a ligação entre as várias regiões, proporcionando, principalmente para população com menos recursos, alternativas de deslocamento dentro dos padrões mínimos aceitáveis de qualidade e custo e reduzindo os congestionamentos, a poluição ambiental, o número de acidentes e o consumo de combustível. Dessa forma, precisam ser estudados mecanismos de melhoria na qualidade do serviço prestado, necessários ao desenvolvimento continuo do setor. Nesse sentido, o presente artigo busca, a partir de simulação computacional inovadora, desenvolvida com auxílio do software Arena, avaliar a relação entre a frequência de atendimento aos passageiros de uma linha de ônibus de longa distância e a desistência de realização da viagem, consequência direta do elevado tempo de espera na fila. Os resultados computacionais demostram que o modelo desenvolvido é capaz de simular a realidade no terminal de maneira adequada, assim como, determinar a frequência de atendimento que melhor atende aos usuários da linha de ônibus estudada, de modo a auxiliar os planejadores de transportes na tomada de decisões.

Palavras-chave


Terminal de Passageiros; Simulação Computacional; Tempo de Espera.

Texto completo:

PDF


Locations of visitors to this page