A TERAPIA DO RISO COMO UMA ESTRATÉGIA AUXILIAR NA ATENÇÃO FARMACEUTICA HUMANIZADA EM UNIDADE HOSPITALAR.

Dennis de Carvalho Ferreira, Thaianne Silva de França, Tatiana Barbosa da Silva Aragão, Flávio Faria de Freitas, Roberta Martins Peres, Carla Renata Petillo de Pinho, Fernanda Sampaio Cavalcante, Aluízio Antônio de Santa Helena, Hercília Regina do Amaral Montenegro

Resumo


Introdução: Desde que o farmacêutico iniciou seu trabalho junto a equipe de saúde, tem buscado meios que promovam a redução de problemas e custos quanto aos fármacos. Neste contexto, a terapia do riso é uma técnica complementar humanizada que pode ser utilizada no ambiente hospitalar para o auxilio no tratamento de pacientes hospitalizados, visando a redução da dor e estimulando o processo de cura destes. Objetivos: descrever a contribuição da terapia do riso no auxílio à recuperação do paciente internado em unidades hospitalares e demonstrar que esta técnica pode estar incluída como uma opção na assistência farmacêutica humanizada. Método: Trata-se de um estudo de Revisão Bibliográfica utilizando artigos científicos selecionados nas Bases de Dados Scientific Eletronic Library Online (SCIELO), o Google Acadêmico e a Literatura Latino - Americana e do Caribe em Saúde (LILACS), no período de 2003 a 2013. Conclusão: A risoterapia tem ações fisiológicas como a liberação de catecolaminas e de neuroendorfinas favorecendo o relaxamento muscular e o aporte de fluxo sanguíneo. E como uma estratégia de humanização na saúde, proporciona o bom humor e a alegria para a melhoria do paciente e da relação entre este e a equipe de saúde, na qual o farmacêutico faz parte

Palavras-chave


Terapia do riso; Enfermagem; Atenção farmacêutica; Hospitalização.

Texto completo:

PDF


Locations of visitors to this page