O mundo dos mortos em vida nos contos “Clay”, de James Joyce, e “Life of Ma Parker”, de Katherine Mansfield

Patricia Maria dos Santos Santana

Resumo


O objetivo do presente artigo é analisar os dois contos “Clay” e “Life of Ma Parker” escritos respectivamente por James Joyce e Katherine Mansfield, explicando as razões e as técnicas usadas pelos autores mencionados na intenção de expressar vidas frustradas e sem sentido, ou seja, expressar o mundo de vivos-mortos nos quais seus personagens estão inseridos.


Palavras-chave


Joyce, Mansfield, vivos-mortos, frustração, Epifania.

Texto completo:

PDF


Locations of visitors to this page