A eficiência da coleta seletiva: Estudo de caso no município de Ponta Grossa - PR

Jehomar Alves Possidonio Junior, Daniely Dall' Agnol

Resumo


A preocupação com o crescimento da geração de resíduos sólidos pela população têm sido um dos grandes problemas atuais, sendo imprescindível o estudo de alternativas para reduzir a destinação incorreta destes resíduos, nesse sentido uma saída aplicável é a política dos 3 R’s. Dentre estes R’s o artigo foca na reciclagem, e uma forma de realiza-la é através da coleta seletiva. Baseado nisso, este trabalho tem como objetivo estudar a eficiência da coleta seletiva no município de Ponta Grossa, quarta cidade mais populosa do estado do Paraná com 311.611 mil habitantes e entender os fatores que prejudicam a realização da mesma. A pesquisa foi de caráter descritivo e de levantamento social. Os resultados apontam que mais da metade dos moradores não faz a separação dos resíduos em seus domicílios e o principal fator para isso é a falta de infraestrutura da cidade que assim desmotiva os cidadãos a essa prática, e a grande parte dos resíduos que são destinados pelas residências ainda são feitas para os catadores de materiais recicláveis.


Palavras-chave


Coleta Seletiva; Ponta Grossa; Reciclagem.

Texto completo:

PDF


Locations of visitors to this page