CONSTRUÇÃO DA LOUCURA COMO CAMPO DE “CUIDADO”, A PARTIR DA AFIRMAÇÃO DO CAPITALISMO/MODERNIDADE.

Vera Lúcia Pereira LIMA

Resumo


Apresentaremos neste trabalho reflexões na produção dos discursos na construção da loucura e da sexualidade, questionando e refletindo sobre o possível exercício da sexualidade nas Residências Terapêuticas, numa tentativa de aproximação social. Interrogando qual o papel do cuidador no processo de reinserção dos moradores na comunidade. Convocamos a uma reflexão a respeito de olhares endurecidos sobre as sexualidades nas Residências Terapêuticas.

Palavras-chave


Loucura; Sexualidade; Residências Terapêuticas

Texto completo:

PDF


Locations of visitors to this page